Policial é preso por criticar governador no facebook

O 3º sargento Isaías Brito Brandão, da Polícia Militar do Acre, foi condenado a cumprir uma punição de cinco dias de prisão, imposta pelo Comando Geral da PM, numa cela do Batalhão de Policiamento Ambiental, após criticar as postagens do facebook do governador do Estado, Sebastião Viana (PT).

O comentário do governador, alvo de supostas críticas por parte do militar, é o seguinte: ?agora em Brasília, conseguimos aprovar 251 milhões para mobilidade e saneamento, obrigado presidente Dilma?. No mesmo post, Tião Viana disse estar acompanhado do prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, e dos senadores petistas Jorge Viana e Aníbal Diniz, com os quais dividia ?a alegria do momento?.

Ao sargento é atribuído o seguinte comentário:  ?mais dinheiro para as ruas do povo? Vai precisar mesmo, afinal, as ruas que foram feitas no ano passado, este ano já precisam ser refeitas. Eu quero ver o senhor cumprir a promessa de asfaltar todas as ruas do estado até 2014?.

O caso foi levado ? Corregedoria da PM do Acre pelo Serviço de Inteligência da corporação, que existe para investigar denúncias contra civis.

No relatório da sindicância, o major Marcos da Silva Kinpara confirmou as críticas feitas pelo colega de farda e apontou que o sargento ?fez comentário de forma desrespeitosa ao Chefe do Executivo?. Em sua defesa, o sargento afirmou que a postagem foi feita por um sobrinho. O comandante da PM do Acre, coronel José dos Reis Anastácio, negou qualquer interferência do governador no caso e garantiu que a investigação foi baseada no código de disciplina dos militares acrianos.

Compartilhe