Dilma garante segurança da Copa e pede ajuda aos brasileiros

A presidente Dilma Rousseff afirmou nesta quarta-feira que o governo
vai garantir a segurança da Copa do Mundo 2014. Segundo ela, “não há
hipótese” de que a competição seja afetada por episódios de violência.
Dilma também pediu apoio de todos os brasileiros ? Seleção Brasileira.

“A Copa implica aperfeiçoamento enorme da nossa segurança.
Colocaremos segurança pesada, as nossas Forças Armadas participarão em
caráter dissuasório, mas atuarão em toda a retaguarda e também na
contenção. Usaremos a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal e
temos parceria com todos os governadores. Temos feito reuniões
sistemáticas e acompanhamos todos os eventos, sem exceção”, disse.

As manifestações que acontecem no Brasil desde junho de 2013 são um
motivo de preocupação. Conflitos entre policiais e manifestantes, além
de atos de vandalismo, viraram rotina durante os protestos. Para Dilma, a
violência vai passar longe da Copa do Mundo 2014.

“Não há a menor hipótese do governo federal pactuar com qualquer tipo
de violência. Não deixaremos em hipótese alguma a Copa ser contaminada,
esse é um momento importante para o país”, afirmou.

Dilma pediu que os brasileiros recebam com carinho os turistas e,
principalmente, a seleção. “A Copa do Mundo é o futebol voltando pra a
casa, como diz a propaganda. Todos os brasileiros, mesmo os que falam
contra a Copa, acabarão numa torcida apaixonada pelo nosso time”.

Compartilhe