Ciro Gomes xinga dono do Coco Bambu de vagabundo; veja vídeo

O pré-candidato à Presidência da República, Ciro Gomes (PDT), chamou de “vagabundo” e “sonegador” o empresário Afrânio Barreira, dono da rede de restaurantes Coco Bambu.

“Por empresários inescrupulosos, sonegadores de impostos, que estão aqui em Fortaleza fazendo política bolsonarista. Esse vagabundo do Coco Bambu tem 50 restaurantes no Brasil e no mundo (sic), cada um deles tem uma razão social diferente pra não pagar imposto, pra estar no Super Simples. Por isso que são tudo bolsonaristas, porque é tudo marginal”, afirmou Ciro.

Segundo o Uol, as falas aconteceram durante entrevista do candidato a um canal no YouTube. Nas redes sociais, bolsonaristas, como o deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente Jair Bolsonaro (PL), e Mayra Pinheiro, a “Capitã Cloroquina”, reagiram à fala de Ciro Gomes e subiram a tag #SomosTodosCocoBambu.

A assessoria de imprensa da rede de restaurantes criticou a fala de Ciro Gomes e diz que o assunto já está com o departamento jurídico da empresa.

Compartilhe