TCU suspende auditor que fez ‘estudo paralelo’ sobre supernotificação da Covid

O auditor Alexandre Marques do Tribunal de Contas da União (TCU) foi suspenso por 45 dias. Ele é responsável por produzir um relatório com suposta supernotificação da Covid-19.

O documento chegou a ser citado e divulgado pelo presidente Jair Bolsonaro. Em depoimento à CPI em agosto, Alexandre afirmou que nunca afirmou que houve supernotificação de mortes pela doença.

“Em nenhum momento afirmei que houve supernotificação de óbitos por Covid-19 no Brasil. Apenas havia compilado algumas informações públicas para provocar um debate junto à equipe de auditoria”, justificou o depoente.

Compartilhe