Aposentados e pensionistas podem ficar sem aumento por dois anos

/CORRECAO/IDOSOS4 - RJ - 21/02/2013 - IDOSOS/IPEA - VIDA OE / APOSENTADOS - O Ipea lança a Nota Técnica Envelhecimento populacional, perda de capacidade laborativa e políticas públicas. O objetivo é avaliar o impacto, na redução da pobreza, das políticas de reposição de renda voltadas à população idosa, assim como suas contradições. Na foto, idosos em Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro. Foto: MARCOS DE PAULA/ESTADÃO

O secretário Especial de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, disse ao G1 que a área econômica do governo defende que aposentados e pensionistas fiquem sem aumento por até dois anos.

“A desindexação que apoiamos diretamente é a dos benefícios previdenciários para quem ganha um salário mínimo e acima de um salário mínimo, não havendo uma regra simples e direta [de correção]. O benefício hoje sendo de R$ 1.300, no ano que vem, ao invés de ser corrigido pelo INPC, ele seria mantido em R$ 1.300. Não haveria redução, haveria manutenção”, disse secretário para o site.

Segundo o secretário, a ideia está sendo discutida com a Casa Civil e o Ministério da Cidadania. O governo ainda não fechou posição sobre o tema.

Compartilhe