Maioria do TRF-1 decide manter absolvição de Temer por obstrução de Justiça

O julgamento no tribunal foi suspenso após um pedido de vista e não há prazo para a continuidade da sessão

A3ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) formou, na noite desta terça-feira (25/8), maioria para manter a absolvição do ex-presidente Michel Temer (MDB) da cusação de obstrução de Justiça no caso de gravação feita pelo empresário Joesley Batista, em 2017.

O julgamento foi suspenso após um pedido de vista e não há prazo para a continuidade da sessão. As informações são do portal Uol.

O TRF-1 analisa um recurso do Ministério Público Federal contra a absolvição de Temer por parte da 12ª Vara Federal Criminal de Brasília.

O ex-presidente é acusado de tentar atrapalhar investigações da Lava Jato que envolviam o ex-doleiro Lúcio Funaro e o ex-deputado Eduardo Cunha.

Compartilhe