Operação cumpre mandados a suspeitos de atentado a Marielle Franco e outras mortes

Na madrugada desta terça-feira (30), a Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro saíram às ruas para deflagrar uma operação que deve prender supostos milicianos investigados de fazer parte do escritório do crime.

Segundo informações do site Globo, ao todo, são quatro mandados de prisão e 20 de busca e apreensão.

Os alvos são:

Anderson de Souza Oliveira, o Mugão;
Leandro Gouveia da Silva, o Tonhão, irmão de Mad;
Leonardo Gouveia da Silva, o Mad ou Paraíba, preso;
João Luiz da Silva, o Gago.

Eles são investigados de pertencerem a uma quadrilha que pratica execuções por encomenda há mais de 10 anos, entre eles, o atentado contra a vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes.

Compartilhe