ALBA promove seminário para profissionais de todas as áreas

Na próxima terça (12), às 9h, o auditório da Assembleia Legislativa vai sediar um Seminário para os interessados em mudar de padrão vida e se estabelecerem no mercado de trabalho. A Associação dos Trabalhadores Autônomos Microempreendedores e Empresários Individuais do Brasil – ATMEI pretende impulsionar o número de oportunidade de trabalho no estado ao facilitar o acesso a financiamentos em diversos setores da economia. O seminário vai exatamente mostrar para um público diversificado como participar dos programas de incentivo financeiro.

Durante o Seminário “Empreendedorismo e Desenvolvimento Econômico para mudar a sua vida”, vão ocorrer discussões e palestras com profissionais com vasta experiência no mercado como: o advogado Clemens Vilas Boas, especialista em Direito Tributário; o contador Aristóteles Moreira, especialista em Desenvolvimento Econômico e o empresário Álvaro Menezes, especialista em Projetos Institucionais. Ao final do seminário os convidados participarão de sorteios (um dia em um clube de lazer, uma camisa de um grande time de futebol da Bahia e dez viagens, em Salvador, com motoristas por aplicativos).

Com sede na Estrada das Barreiras, em Salvador, a ATMEI facilita o acesso a financiamento de veículos para motoristas por aplicativos ou particular, por exemplo. Os financiamentos em torno de R$80.000.00 ou ainda 20% na aquisição do veículo serão através do Desenbahia e em parceria com as revendedoras de veículos.

 Já os feirantes, ambulantes, baleiros, donos de bares, restaurantes, lanchonetes, de salão de beleza e todos os trabalhadores autônomos também serão enquadrados nos programas.  Os financiamentos, de acordo com Denilson Oliveira, presidente da instituição, vão de R$200,00 a R$15.000,00 e a ideia é dar oportunidade para quem deseja impulsionar os negócios ou até mesmo, começar a realizar o sonho de passar a ser o próprio patrão. “Nós queremos transformar a vida dessas pessoas para que saiam do anonimato financeiro e passem a gerir os seus próprios negócios aumentando a oportunidade de trabalho para todas as pessoas”, disse Oliveira.

Ainda de acordo com o jovem empreendedor, a instituição oferece aos seus associados, orientação jurídica, psicológica e qualificação profissional. Através da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte – Setre, os associados poderão adquirir financiamento pelo Programa de Economia Solidária.

Compartilhe