Operação Cartão Vermelho: Jaques Wagner na mira da Polícia Federal; lavagem de dinheiro e corrupção estão entre as irregularidades, diz PF

Brazilian Chief Minister of President Dilma Rousseff's Personal Cabinet, Jaques Wagner, speaks during a press conference at Planalto Palace in Brasilia on March 29, 2016. Brazilian President Dilma Rousseff's ruling coalition collapsed Tuesday when her main partner, the PMDB, went into opposition, leaving the embattled president increasingly helpless in her fight against impeachment. AFP PHOTO/EVARISTO SA

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta segunda-feira, 26, a Operação Cartão Vermelho. A ação cumpre sete mandados de busca e apreensão no âmbito da investigação que apura irregularidades na contratação dos serviços de demolição, reconstrução e gestão do estádio Arena Fonte Nova, em Salvador.

Um dos mandados está sendo cumprido na casa do ex-governador da Bahia e secretário estadual de Desenvolvimento Econômico (SDE), Jaques Wagner (PT), no Corredor da Vitória, em Salvador.

Em nota, a PF informou que “dentre as irregularidades já evidenciadas no inquérito policial estão fraude a licitação, superfaturamento, desvio de verbas públicas, corrupção e lavagem de dinheiro”.

“Conforme apurado durante as investigações, a licitação que culminou com a Parceria Público Privada nº 02/2010 foi direcionada para beneficiar o consórcio Fonte Nova Participações – FNP, formado pelas empresas Odebrecht e OAS”, afirma a PF.

A obra, segundo laudo pericial, foi superfaturada em valores que, corrigidos, podem chegar a mais de R$ 450 milhões, sendo grande parte desviado para o pagamento de propina e o financiamento de campanhas eleitorais.

Os mandados – expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª Região – estão sendo cumpridos em órgãos públicos, empresas e endereços residenciais dos
envolvidos no esquema criminoso, e têm por objetivo possibilitar a localização e a apreensão de provas complementares dos desvios nas contratações públicas, do pagamento de propinas e da lavagem de dinheiro.

Compartilhe