ViaBahia demitiu médicos e desativou USA do Entroncamento de Jaguaquara

Nem mesma a mobilização de autoridades políticas conseguiu impedir a desativação da Unidade de Suporte Avançado – USA da Concessionária ViaBahia instalada no distrito Stela Dubois – Entroncamento de Jaguaquara, na margem da BR-116. A informação do fechamento da unidade, sob alegação de crise financeira, chegou a mobilizar lideranças políticas, a exemplos do presidente do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Vale do Jiquiriçá – CONVALE, e prefeito de Lafaiete Coutinho, Zenildo Santana – Zé Cocá (PP), do prefeito de Jaguaquara, Giuliano Martinelli (PP), que se reuniram com o vice-governador e secretário de Planejamento do Estado, João Leão (PP) e com o deputado estadual Euclides Fernandes (PSL) em busca de apoio para interferências junto a empresa, pela permanência da unidade, mas a mobilização dos políticos não prevaleceu. Na segunda-feira (5/12), conforme antecipado pelo Blog Marcos Frahm, com publicação de que médicos e enfermeiros já teriam assinado cartas de demissão, os profissionais foram mesmo demitidos pela Concessionária e as atividades encerradas na USA, que passará a funcionar como Unidade de Resgate-UR 8, apenas com equipe de condutores, que assumirá a condição de socorristas, em substituição aos médicos e enfermeiros, que atuavam como plantonistas para salvaguardar vidas em casos de acidentes na BR-116 e até em outras rodovias da região, quando solicitados. Segundo o presidente do CONVALE, representantes da ViaBahia que mantiveram contatos – respectivamente – com Euclides Fernandes e João Leão, garantido-lhes rever a situação, não cumpriram e a USA que atendia a toda a região foi desativada. Zé Cocá promete recorrer ao governo do Estado para cobrar esclarecimentos da Concessionária.

Compartilhe