Com registro da marca ‘Pagode’, Fifa causa polêmica

O registro feito pela Fifa da marca “Pagode” no Instituto Nacional de
Propriedade Industrial (INPI) vem causando polêmica. A palavra virou
uso exclusivo do órgão em função da Lei Geral da Copa até o dia 31 de
dezembro deste ano.

O INPI realizou o registro e trata a palavra “Pagode” como a fonte de
impressão e fonte tipográfica. Porém, a Lei Geral da Copa estende
automaticamente ? marca, chamando de “registro de alto nome”.

Com esse registro, a Fifa garante até o fim deste ano a exclusividade
da marca. Dessa maneira, ela tem a prerrogativa jurídica para vetar o
uso da palavra “Pagode” para qualquer um.

Com a divulgação dessa informação, diversas pessoas se mostraram
contrária com essa decisão da Fifa. O deputado Marcelo Freixo colocou em
sua rede social: “Ah, agora o pagode é da FIFA?”. Já um internauta,
chamado de Rodolfo Rodrigues, também usou sua página para mostrar sua
indignação com o fato. “Até a palavra pagode tá em posse da Fifa. Sem
comentários”.

Compartilhe