STF anuncia repatriação de US$ 53 milhões de Maluf

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF),
determinou nesta quarta, dia 14 de maio, que a Procuradoria Geral da
República comece cm o procedimento para repatriar US$ 53 milhões do
deputado Paulo Maluf (PP-SP) que estão bloqueados em contas no exterior.

“Uma vez aferida a conexão com condutas típicas imputadas nesta ação
penal, atreladas ? evasão de divisas decorrentes de apontado desvio de
dinheiro público da Prefeitura Municipal de São Paulo, os valores
bloqueados no exterior, que correspondem (…) a aproximadamente US$ 53
milhões deverão ser repatriados”, declarou o ministro.

A
Procuradoria deve entrar e contato com as autoridades judiciarias
internacionais e pedir o retorno “dos ativos bloqueados naquele país”.
Tratados internacionais preveem que a decisão do Supremo seja observada.

A
decisão de pedir a repatriação ocorreu após a Procuradoria pedir em
ação penal contra Maluf, em que ele é acusado de lavagem de dinheiro por
supostamente desviar recursos de obras públicas da capital para contas
em paraísos fiscais.

Compartilhe