Sobe para 282 número de mortos em explosão em mina na Turquia

As autoridades turcas elevaram hoje (15) para 282 o número de mortos
na explosão de uma mina de carvão na cidade de Soma, no Oeste da
Turquia. O novo balanço foi divulgado pelo ministro da Energia, Taner
Yildiz, depois de terem sido retirados mais corpos do local. 

Ainda
há um número indeterminado de mineiros encurralados na sequência do
acidente de terça-feira (13), considerado o mais grave da história da
Turquia. O acidente desencadeou uma onda de protestos no país. O
primeiro-ministro, Recep Tayyip Erdogan, tem sido fortemente atacado por
negligenciar a segurança no setor da mineração.

O Ministério do Trabalho e Segurança Social turco indicou que a
última inspeção da mina foi feita no dia 17 março e que a empresa
aplicava as normas de segurança em vigor.

As explosões em minas
são frequentes na Turquia, em particular do setor privado, em que
medidas de segurança não são frequentemente aplicadas.

O acidente
mineiro mais grave ocorrido na Turquia foi em 1992, quando 263
trabalhadores morreram em uma explosão de gás na mina de Zonguldak, no
Norte do país, zona da maior bacia mineira de carvão.

Compartilhe