Amor bandido: PF flagra troca de mensagens românticas entre Luiz Argôlo

Agora, até juras de amor aparecem na investigação da Operação Lava
Jato, que apura a atuação do doleiro Alberto Youssef. A Polícia Federal
flagrou uma conversa curiosa entre Youssef e o deputado Luiz Argôlo (BA)
(foto), do Solidariedade. O fato foi revelado na coluna de Felipe
Patury, na revista Época deste fim de semana. No diálogo, de 28 de
fevereiro deste ano, Argôlo diz: ?Você sabe que tenho um carinho por
você e é muito especial?. Youssef responde que sente o mesmo. Argôlo
continua: ?Queria ter falado isso ontem. Acabei não falando. Te amo.? E a
resposta de Youssef: ?Eu amo você também. Muitoooooooooo<3?.

Argôlo já vinha sendo investigado em função de revelações da Operação
Lava Jato. Na semana passada, a revista Veja havia divulgado que,
segundo as descobertas da PF, Youssef teria transferido R$ 120 mil para o
chefe de gabinete do deputado. Ele nega as irregularidades.

Compartilhe