Olodum: 35 anos de resistência

A mais bela combinação envolvendo cidadania, arte, cultura, dança e samba-reggae está em festa. Um dos maiores representantes da cultura artística da Bahia pelo mundo, o Olodum comemora no próximo dia 25 de abril de 2014, 35 anos de existência marcados por grandes realizações e marcos memoráveis alcançados ao longo de toda sua história. Neste dia, uma festa para todos. Um livro, a posse dos conselheiros consultivos e lançamento de nova canção. A programação começa a partir das 16h, na Casa do Olodum.

Nascido no Pelourinho, centro histórico de Salvador, em 1979, o Olodum se tornou um dos maiores representantes da cultura baiana e afro-brasileira por todo o mundo, promovendo um trabalho social voltado para as camadas mais necessitadas da capital baiana, além de estimular o comprometimento cultural do povo baiano e de milhares de pessoas em diversos países.

Ao longo dos 35 anos, marcas importantes foram alcançadas, como os 25 anos da Terça do Olodum, um dos eventos mais cotados e esperados da capital baiana; 26 anos da gravação do LP Egito Madagascar, o primeiro disco do grupo e que é considerado o primeiro álbum de samba-reggae do mundo; 23 anos de inauguração da Casa do Olodum; 22 anos da maior tour de uma banda brasileira na Europa em 1992 e do Desfile do Bloco Olodum no Carnaval de Londres Nothing Hill Gate.

Além disso, um grande diferencial do grupo são as parcerias com grandes nomes da música nacional e internacional, encantando artistas como Michael Jackson, Linton Kesey Johnson, Paul Simon, Julian Marley, Gal Costa, Caetano Veloso, Xuxa, Ivete, Cidade Negra, Gil, Tim Maia, Jorge Ben, Elba Ramalho, Daniela Mercury, Carlinhos Brown, Jimmy Cliff, Sadao Watanabe, Wayne Short, Herbiee Hanncok, Salif Keita, The Wailleres, Inner Circle, Koko Dembele, Spike Lee, Ziggy Marley e Andrew Tosh. Atuando no Brasil e no mundo, participou de eventos em diversos países como França, Estados Unidos, Bélgica, Holanda, Alemanha, África do Sul, Itália, Suíça, Escócia, Noruega, Dinamarca, Inglaterra, Argentina, Espanha, Eslovênia Ilha da Reunião, Canadá, Japão, Chile, Escócia, Cuba, Angola, Senegal e Benin, Portugal, Irlanda, Irlanda do Norte, Turquia, Israel, Finlândia, México, Venezuela, Austrália, Guiana Francesa e Coréia. Nestes países, oportunamente, apresentou-se em Paris, Londres, Berlim, Barcelona, Manchester, Liverpool, New York, Los Angeles, Chicago, Miami, Denver, San Francisco, San Diego, Bruxelas, Antuérpia, Pau, Hannover, Hamburgo, Colônia, Saint Denis, Copenhague, Oslo, Buenos Aires, Santiago, Tóquio, Roma, Amsterdã, Lisboa, Cesaria, Barsa e Seul, Montreux, Lion, Sidney, Zurique, Milano, Durban, Joanesburgo, Caiena.

Compartilhe