Índice de Confiança do Consumidor cai 1,7% em fevereiro

O Índice de Confiança do Consumidor (ICC), medido pela Fundação
Getulio Vargas (FGV), caiu 1,7% de janeiro para fevereiro deste ano.
Essa é a terceira queda consecutiva. O índice, que chegou a 107,1
pontos, manteve-se abaixo da média histórica pelo décimo segundo mês
consecutivo e atingiu o menor nível desde maio de 2009 (103,6 pontos).

A piora foi provocada, principalmente, pela menor confiança em
relação ao momento presente, medido pelo Subíndice da Situação Atual,
que recuou 2,9%. Entre os fatores que levaram ? queda está um menor grau
de satisfação dos consumidores em relação ? situação econômica. A
proporção de consumidores que avaliam a situação como ruim subiu de
35,7% para 41%.

O otimismo em relação ao futuro, medido pelo subíndice de
Expectativas, caiu 1%. A parcela de consumidores que projeta melhora da
economia nos próximos meses diminuiu de 26,5% para 26%, enquanto aqueles
que preveem piora aumentaram de 23,1% para 26,5%.

Compartilhe