Prefeitura de Salvador faz primeiros testes com o Castramóvel

Prevenir doenças, evitar a procriação indesejada/indiscriminada e o abandono de animais. Essas são algumas das vantagens que têm contribuído para o aumento da procura por cirurgia de castração de cães e gatos, oferecida gratuitamente pela Prefeitura através do Centro de Controle de Zoonose (CCZ).

Além disso, Salvador deu mais um importante passo para ampliar o acesso ao serviço com a realização dos primeiros procedimentos através do Castramóvel, veículo adaptado que fará ações itinerantes em diversos bairros da cidade, prioritariamente naqueles onde há elevado número de animais ou notificação de casos de raiva.

O veículo está em fase de teste para que os profissionais envolvidos possam avaliar o fluxo operacional e de atendimento, garantindo a assistência de qualidade ao público que procura o dispositivo. No total, o Castramóvel realizará até 30 esterilizações por dia, em cães e gatos, de ambos os gêneros. Para estar apto, o animal deve ter entre oito meses e cinco anos de idade, peso acima de 1kg e apresentar boa condição de saúde. Além disso, é imprescindível a apresentação do cartão de vacinação antirrábica. Em caso de esterilização de fêmeas, a mesma não pode estar em período gestacional.

Ainda em dezembro, com data a ser definida, o Castramóvel visitará o bairro do Nordeste de Amaralina, onde ficará por um período de até 60 dias, sendo a atividade transferida para os demais bairros prioritários da capital. Além do serviço de castração, o dispositivo itinerante realizará aplicação de vacina antirrábica, distribuição de materiais educativos e exibição de filmes

Compartilhe