Lauro de Freitas: Segurança é morto com dez tiros. Corpo esperou 10 horas pelo rabecão

O segurança Paulo César Santos, de 48 anos, foi brutalmente assassinado na cidade de Lauro de Freitas, Região Metropolitana de Salvador (RMS), por volta das 9h, no região de Areia Branca. Segundo um primo da vítima que preferiu não ter a identidade revelada, Paulo foi morto com mais de dez tiros. “Ele era segurança e não era usuário de drogas.

A família está inconsolável”, afirmou, ressaltando que a preocupação dos amigos e parentes da vítima foi a remoção do corpo do local. “Ele está aqui há mais de dez horas. Toda hora dizem que o IML está chegando e até agora nada. A polícia já veio aqui e recolheu cheques e uma caderneta que estava com ele”, contou. Ainda conforme este primo, Paulo era agiota, mas não tinha inimigos.

A reportagem do site entrou em contato com o Instituto Médico Legal (IML) que confirmou a realização da perícia. Já em contato com o Departamento de Polícia Técnica, o órgão, após a informação passada pelo site, confirmou que uma viatura estaria sendo deslocada para o local. Até o fechamento desta matéria o corpo ainda não havia sido removido.

A redação também tentou contato com a 27ª Delegacia, responsável por investigar o caso, porém não obteve êxito. Paulo deixa três filhos e uma esposa que, segundo familiares, está em estado de choque com a notícia da morte do marido.

Compartilhe