Silvio Berlusconi é expulso do Senado da Itália

O ex-premiê da Itália Silvio Berlusconi foi expulso do Senado. Ele foi condenado em um caso de fraude fiscal neste ano. O anúncio foi feito nesta quarta-feira.

O presidente do Senado Pietro Grasso informou que a expulsão foi decidida após membros do Senado recusarem documentos em que Berlusconi tentava evitar a expulsão.

Foram recusadas nove propostas que pediam a não aplicação da Lei Severino. Criada no ano passado no governo do ex-premiê Mario Monti, ela determinava a expulsão de todos do Parlamento que fossem condenados a mais de dois anos de prisão.

O ex-premiê foi condenado a quatro anos de prisão por fraude fiscal. Três anos foram trocados por serviços comunitários e Berlusconi também foi proibido de ocupar cargos públicos por dois anos.

Com a expulsão, Silvio Berlusconi perde a imunidade parlamentar em outros julgamentos em que é réu.

Compartilhe