Dançarino e transformista do Complexo Axé Mói, é assassinado em Porto Seguro

O dançarino e transformista Daniel José Oliveira Júnior, de 35 anos, mais conhecido como Lady Butterfly, que trabalhava há quase uma década e meia no Complexo de Lazer Axé Mói, em Porto Seguro, foi assassinado no final da noite deste domingo (17), por volta das 23h. O crime aconteceu na própria casa do respeitado dançarino, em um condomínio no bairro de Taperapuan e a polícia investiga duas hipóteses para o homicídio, sendo latrocínio, que é roubo seguido de morte ou motivação passional. Através das redes sociais pessoas de todo o país que conheciam o trabalho do artista lamentaram a sua morte. Ele foi morto a facadas. O principal suspeito do crime já teria sido identificado e a polícia informa que sua prisão é uma questão de horas.

Compartilhe