Petrobrás fechará 38 empresas no exterior até 2015

Na gestão de Graça Foster, a Petrobrás tem reduzido sua atuação
internacional e fechou representações em Portugal, Austrália, Irã, Nova
Zelândia, Turquia e Líbia, de acordo com informações do jornal O Estado
de S.Paulo publicadas nesta segunda-feira. No total, serão 38
fechamentos em todo o mundo até 2015.

Quando Graça assumiu em 2012, a Petrobrás tinha operação em 23 países e
hoje está em 17. O número vai diminuir quando forem incluídas as seis
unidades africanas que sairão do balanço da companhia: Nigéria, Angola,
Gabão, Benin, Namíbia e Tanzânia. Ainda há unidades da empresa na
Argentina, Bolívia, Chile, Paraguai, Uruguai, Colômbia, Peru, Venezuela,
México, Estados Unidos e Japão.

Compartilhe