Cristina Kirchner se recupera de anestesia, diz governador

O governador da província de Buenos Aires, Daniel Scioli, anunciou hoje (8) que a presidenta Cristina Kirchner se recupera da anestesia, depois de uma cirurgia para drenar um hematoma cerebral (acúmulo de sangue entre a meninge e o cérebro).

O coágulo foi provocado por uma batida na cabeça, no dia 12 de agosto, mas ela só começou a sentir os sintomas ? arritmia e formigamento no braço ? no sábado (5).

Do lado de fora do Hospital Universitário Fundação Favaloro, onde Cristina está internada desde ontem (7), simpatizantes esperam o primeiro boletim médico.

Por um mês, pelo menos, Cristina Kirchner deverá ficar de repouso. Interinamente, o vice-presidente Amado Boudou desempenha as atividades políticas. Pelo Artigo 88 da Constituição da Argentina, a presidenta deve se licenciar do cargo e editar um decreto delegando ações a Boudou.

Compartilhe