Prefeitura de Salvador oferece cremação gratuita ? população de baixa renda

A Prefeitura do Salvador, por meio da Secretaria Municipal de Ordem
Pública (Semop), oferece o serviço de cremação gratuita ? s famílias
carentes de Salvador. A ação é fruto da lei municipal 3.377/1984, que
passou a ser cumprida em março de 2009 através de acordo entre o
Ministério Público Estadual e o cemitério Jardim da Saudade.

Segundo
a coordenadora do setor de Serviços Diversos da Semop, Janete Garcia,
desde o cumprimento da lei já foram realizadas 16 cremações, quatro
delas até setembro deste ano. Ela afirma que o procedimento é feito nos
mesmos moldes do serviço pago e as cinzas são entregues em uma urna
ecológica, inclusa em todo o processo de cremação.

A secretária
da Semop, Rosemma Maluf, afirma que a baixa procura pela cremação
deve-se a resistências culturais, pelo hábito de enterrar o ente querido
e a rotina de visita no Dia de Finados. ?Este é um serviço
diferenciado, de alto custo e de qualidade que oferecemos. A baixa
procura é por uma questão cultural mesmo?, disse Rosemma. ?Por outro
lado, há pessoas que gostariam de cremar os parentes, mas não têm como
devido ao custo?, completou.

Para a realização da cremação, é
necessário entrar em contato com a Semop através do número (71)
3186-5133 e comparecer ao órgão com o atestado de óbito e assinar uma
declaração de pobreza. De lá, a pessoa já sai com a guia para fazer o
procedimento no Cemitério do Jardim da Saudade. O serviço é feito em
caso de mortes por doenças crônicas e não pode ser realizado em caso de
morte violenta, salvo sob autorização judicial.

Compartilhe