Tiago Correia quer reduzir limite de reajuste do IPTU para imóveis comerciais

Após reunião de quase duas horas com integrantes da base, o vereador Tiago Correia (PTN) anunciou nesta sexta-feira (13) que vai apresentar na próxima segunda-feira (16) ao prefeito ACM Neto um Projeto de Indicação solicitando que os estabelecimentos comerciais de até 150 metros quadrados tenham o mesmo limite de teto para o reajuste do IPTU dos imóveis residenciais (35%). ?Acho justo que os estabelecimentos comerciais, como padarias, salão de beleza, borracharias, mercados, farmácias, peixarias, açougues, mercearias e lanchonetes, por exemplo, que geram emprego e contribuem para o desenvolvimento de Salvador, tenham os mesmos benefícios dos imóveis residenciais?, afirmou o vereador.

Pelo projeto aprovado na Câmara, o teto dos estabelecimentos comerciais de até 300 metros quadrados é de 50%. Apesar do limite,  a Secretaria Municipal da Fazenda (Sefaz) informa que a média de reajuste dos imóveis residenciais para 2014 será de 8%, descontada a inflação. Tiago Correia também disse que, no mesmo Projeto de Indicação, vai sugerir ao prefeito um limite para os terrenos não edificados com mais de 2.000 metros quadrados. ?As pessoas, quando compraram estes terrenos, não sabiam que o IPTU poderia sofrer um grande reajuste. Portanto, acho que o prefeito vai olhar para as minhas reivindicações com muita sensibilidade?, disse Correia.

Compartilhe