Sucop negocia com empresa solução para protesto na Baixa do Fiscal

A Superintendência de Conservação e Obras Públicas (Sucop) informa que as obras para requalificação da Rua Luiz Maria (Baixa do Fiscal) tiveram de ser interrompidas na manhã de hoje (11) por conta de um protesto realizado pelo Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias da Construção de Estradas, Pavimentação, Obras de Terraplanagem e Montagem Industrial (Sintepav) contra a empresa CRL, que é responsável pelas obras de ampliação da rede de drenagem na região. Três frentes de trabalho atuam no local: uma na pavimentação, que está suspensa por conta das chuvas; uma na ampliação da rede de drenagem, executada exatamente pela CRL; e outra na limpeza da drenagem e abertura de uma canaleta para escoamento da água das chuvas, dentro da área leste da linha ferroviária, desenvolvida pela Prefeitura em parceria com a empresa Bahiamaq.

Uma equipe da Sucop foi ao local negociar com a CRL uma providência para a situação, que terminou suspendendo a outra frente de serviço que nada tem a ver com o protesto realizado pelo Sintepav. ?O que não podemos aceitar é que as obras fiquem suspensas por um dia que seja por conta de um protesto que está relacionado a apenas uma empresa, responsável por uma das três frentes de serviço. Não vamos aceitar que as intervenções na Luiz Maria sejam prejudicadas, o que já vem acontecendo devido ao volume das chuvas. Estamos negociando uma solução para que as obras retornem ao ritmo mais rápido possível?, afirmou o diretor de manutenção e conservação, Luciano Sandes.

Compartilhe