Feira Baiana de Artesanato estreia temporada em novo espaço

O Instituto de Artesanato Visconde de Mauá, autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre) estreia a nova temporada da Feira Baiana de Artesanato (FBA) neste fim de semana (14 e 15), agora em novo espaço, na Praça Wilson Lins, antigo Clube Português, na Pituba. Em sua 11ª edição, o evento mais uma vez tem a parceria do Sebrae-BA.

Todos os anos, a tradicional feira era realizada no Jardim dos Namorados, na Pituba, mas, este ano, devido a reformas no local, vai ser transferida para a nova praça e contou com o apoio da prefeitura de Salvador. A mudança do espaço foi um dos itens apresentados durante reunião, que discutiu a programação da FBA 2013/2014, realizada no auditório do Grande Hotel da Barra, com participação de artesãos baianos e dirigentes do Mauá.

A 11ª edição da Feira Baiana de Artesanato será realizada quinzenalmente, sempre aos sábados e domingos, até o dia 30 de março de 2014. O acesso é gratuito, funcionando das 16 ? s 22h, com música ao vivo a partir das 19h.

Cesol

Referência na comercialização de peças artesanais, a Feira Baiana acontece desde 1997, reunindo, em um mesmo ambiente, a legítima arte produzida em Salvador e no interior do estado, e um cardápio variado de comidas típicas da Bahia. São 80 barracas de artesanato e 20 de culinária, além de toldos com produtos do Centro Público de Economia Solidária (Cesol), de organizações sociais e da Associação de Artistas Plásticos.

A expectativa é muito grande entre os artesãos nesta primeira montagem da temporada 2013/2014. Para o diretor geral do Instituto Mauá, Elias Dourado, a Feira Baiana serve como uma vitrine aos artesãos, facilitando a aproximação com o público consumidor e a comercialização dos seus produtos. E, consequentemente, difunde o artesanato baiano por meio de peças que traduzem simbologias específicas de várias regiões da Bahia.

Compartilhe