‘À beira da morte’, Mike Tyson diz que não usa drogas há 6 dias

De volta ao boxe, desta vez como promotor de lutas em um evento
realizado na cidade de Verona, nos Estados Unidos, Mike Tyson mostrou
que se arrepende de diversas coisas que fez no passado. O ex-pugilista
ainda disse que o uso constante de bebidas alcoólicas e drogas o deixou
“? beira da morte”.

“Eu sou um cara mau. Fiz muitas coisas ruins e eu quero ser perdoado.
Pelo meu perdão, e espero que me perdoem, eu quero mudar a minha vida.
Quero viver uma vida diferente agora. Quero me manter sóbrio, eu não
quero morrer. Estou ? beira da morte porque sou alcoólatra”, declarou
Tyson em entrevista coletiva concedida nesta sexta-feira.

Um dos maiores nomes do boxe mundial, Tyson dominou a categoria dos
pesos pesados e fez uma carreira brilhante. No entanto, em diversos
momentos ele esteve envolvido em polêmicas, chegando inclusive a ser
preso por três anos por causa de uma denúncia de estupro.

Alcoólatra e usuário de drogas assumido, o ex-atleta não esconde o
arrependimento com algumas escolhas que fez em sua carreira e mostra que
luta para superar os vícios.

“Eu não bebo ou uso drogas há seis dias e, para mim, isso é um milagre.
Estive mentindo para todo mundo que achava que eu estava sóbrio, mas eu
não estou. Este é o meu sexto dia . Nunca vou usar novamente”, concluiu
o ex-boxeador.

Compartilhe