Polícia faz o retrato falado dos assassinos

O retrato falado dos dois assaltantes, que assassinaram a funcionária da Universidade Federal da Bahia, Selma Barbosa Alves, 53 anos, na madrugada desta segunda feira (12), deverá ser confeccionado nas próximas horas, pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT), com base na descrição feita por um correntista de uma agência do Bradesco, em Itapuã, atacado pela dupla, duas horas e meia antes do latrocínio de Selma, no Costa Azul.

?O depoimento da vítima de assalto também poderá auxiliar a polícia na elucidação do crime?, revelou a   delegada Rogéria Araújo, titular da 9ª Delegacia Territorial (Boca do Rio), que já requisitou ao Bradesco as imagens das câmeras de segurança da agência de Itapuã, onde houve o ataque ao cliente, por volta de 22 horas.

Já ouvido no Departamento de Homicídios e Proteção ? Pessoa (DHPP), o correntista informou ter sido abordado quando se aproximava do caixa eletrônico por um dos ladrões, que lhe roubou o relógio, as chaves do carro e outros pertences. ?O segundo assaltante aguardava o comparsa em frente ao banco e os dois fugiram com meu carro, um Celta de placa NYT-5784, de cor preta?, informou.

Com o veículo roubado em Itapuã, os criminosos interceptaram Selma Barbosa em frente ao edifício Vila do Mar, na rua Arthur de Azevedo Machado, por volta de meia noite e meia. Atiraram em sua cabeça, depois de retirá-la do Fiat Punto, de cor bege, placa NZY-4231, com o qual fugiram, abandonando o Celta no local do crime.

A amiga de Selma, deixada por ela na portaria do edifício, ainda será ouvida pela polícia. A delegada Rogéria Araújo já dispõe das imagens captadas pela câmara de segurança do prédio, que registrou a ação criminosa. ?Uma equipe da 9ª DT está refazendo o trajeto feito pela vítima e também pelos bandidos até o Costa Azul, buscando identificar testemunhas e câmeras de outros imóveis da região, que possam contribuir com as investigações?, ressaltou.

Compartilhe