Lessa solicita investigação do MP e TCM sobre mais um contrato milionário da Prefeitura

Uma semana após cobrar esclarecimentos sobre contrato realizado pela Prefeitura com dispensa de licitação no mês de abril, ontem (22) pela manhã o vereador do PT, Arnando Lessa, ingressou com uma representação que solicita ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas do Município (TCM) uma investigação detalhada da transação.

Para Lessa a contratação se caracteriza inoportuna, pois a empresa beneficiada, a Trafit (especializada na construção de semáforos) responde por problemas judiciais em vários estados do Brasil, além de ter a justificativa apresentada, que seria a utilização de equipamentos patenteados, é um argumento insatisfatório. Outro ponto argumentado pelo petista é o valor que seria pago pelos serviços prestados, algo em torno de R$ 1,5 milhão.  

Agora, com o caso em tramitação no MP e TCM, o vereador do PT espera que os questionamentos sejam esclarecidos e que o ato, comum nos últimos meses de exercício do poder Executivo, seja finalizado.

Compartilhe