Lauro de Freitas: Prefeitura garante assistência para portadores de HIV

A Prefeitura de Lauro de Freitas passará a beneficiar os portadores de HIV do município, essa assistência será possível graças ? parceria firmada entre a Secretaria de Saúde (SESA) e Secretaria de Assistência Social, Igualdade Racial e Cidadania (Semasci). Agora os portadores de HIV que derem entrada e estiverem aguardando o julgamento do benefício do INSS, terão acompanhamento de uma Assistente Social e o apoio da Semasci através do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

O auxilio é a garantia de um salário mínimo mensal ao cidadão incapacitado para a vida independente e para o trabalho, bem como ao idoso com 65 anos ou mais, que comprove não possuir meios de prover a própria manutenção e nem tê-la provida por sua família.

Esse benefício independe de contribuições para a Previdência Social. A pessoa para recebê-lo deve dirigir-se ao posto do INSS mais próximo e comprovar sua situação. Essa comprovação pode ser feita com apresentação de Laudo de Avaliação (perícia médica do INSS ou equipe multiprofissional do Sistema Único de Saúde). A renda familiar e o não exercício de atividade remunerada deverão ser declarados pela pessoa que requer o benefício.

Vale ressaltar que o BPC não é uma aposentadoria, por isso não dá direito ao 13º pagamento e o assistido não precisa pagar para receber, sendo um direito gratuito e encerrado em caso de morte do beneficiário.

Esses benefícios poderão solicitados através dos CRAS do município que estão localizados no Caic (3365-5626), Itinga (3288-8987), Centro (3378-0029), Portão (3369-9960) e Areia Branca (3291-9249). 

Compartilhe