Dez empresas de ônibus aderem paralisação e pontos ficam lotados

Dez empresas de ônibus não colocaram seus veículos nas ruas, na manhã desta quinta-feira(15) em Salvador. Segundo informações com a Superintendência de Trânsito e Transporte (Transalvador), as empresas que não retiraram seus ônibus da garagem até ? s 8h, foram Capital, Ilha Tropical, Central, BTU, Ondina, Verdemar, Rio Vermelho, União e Transol.

Para o presidente do sindicato dos Rodoviários da Bahia, Hélio Ferreira, a categoria reivindica reajuste de 15%, fim da dupla função, contgratação de mulheres, redução da jornada de trabalho de 8h para 6h, plano de saúde extensivo para  a familia pago pela  empresa e tíquete refeiçãode R$15.

Ainda segundo Hélio, será realizado um balanço da mobilização desta quinta-feira, para definir os rumos da mobilização.

Compartilhe