Câmara aprova criação de hospital público veterinário

O projeto para a criação de um hospital
público veterinário em Salvador foi aprovado quarta-feira (24) pela
Câmara Municipal de Vereadores. A aprovação foi motivo de comemoração
para a vereadora Ana Rita Tavares (PV), autora do projeto de indicação
nº 03/13, e para todos os militantes da causa animal na capital baiana.
Outros dois projetos de indicação da vereadora também foram aprovados, o
de número 96/13, para a criação da Secretaria Especial de Atenção aos
Animais (SEDA) e o de número 141/13, que indica ao governador do Estado a
criação da Delegacia Especial de Atenção aos Animais.
?Hoje realmente é um dia de muita alegria e quero dedicar minha fala ? s
ONGs de proteção animal e a todas as pessoas dedicadas a essa causa,
especialmente ? s protetoras Carmine Linhares e Lycia Alves, precursoras
há mais de 30 anos na defesa dos animais?, disse Ana Rita na sessão
plenária.
A vereadora defende a criação do hospital público veterinário
aproveitando a estrutura do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ),
localizado no bairro do Trobogy, o que reduz o custo de implantação da
unidade. ?Temos unidades públicas de saúde para nós, mas nenhuma
assistência do Estado para esses seres indefesos que precisam muito de
ajuda? justifica.

Sonho concretizado

Ruth Nunes, fundadora e ex-presidente da
União de Proteção Animal de Salvador (Upas), reafirma que a aprovação
do projeto de criação do hospital público veterinário em Salvador é a
concretização de um sonho. ?É uma vitória ver essas iniciativas sendo
aprovadas porque nossa luta é muito árdua, sem falar nos custos que
temos ao levar para atendimento em clínicas particulares os animais
violentados na rua, ao abrigá-los num lar temporário ou depois cuidar
deles até dentro de nossa casa, sem falar em nosso emocional que fica
totalmente abalado. Não tenho palavras para falar sobre esse momento e
fico até emocionada?, diz Ruth.
 

Compartilhe