Tinoco exige maior rigor ? fiscalização de obras inacabadas

O vereador Claudio Tinoco (DEM) defende um maior rigor ? fiscalização das obras realizadas em Salvador. Em ofício encaminhado ? Conder, ao Ministério do Turismo e ? Caixa Econômica Federal, o edil cobrou esclarecimentos sobre a paralisação da obra de recuperação de uma passarela no Costa Azul, que faz parte da segunda etapa de requalificação da orla.

?Há, pelo menos, dois meses observamos a paralisação da obra que apresenta sinais visíveis de falta de manutenção, com retirada de revestimento, exposição de estrutura metálica e aparente comprometimento do corrimão e parapeito de proteção lateral na passarela do bairro Costa Azul?, explica Tinoco.

No ofício, o democrata solicita algumas informações sobre a obra, como o número do convênio ou contrato, valor, data de início e prazo de conclusão da obra ? que, infelizmente, não constam na placa instalada no local. ?Solicitamos também esclarecimentos sobre o motivo da paralisação e a previsão de reinício da execução da obra. Além disso, enviamos um ofício ? Secretaria Municipal de Infraestrutura e Defesa Civil pedindo uma vistoria no local. Não podemos mais deixar uma cidade turística como Salvador com obras inacabadas, verdadeiros ?elefantes brancos? em plena orla?, completa Tinoco.

Compartilhe