Não haverá famílias na extrema pobreza até março, diz Dilma

O governo pretende zerar a lista de famílias que vivem na extrema
pobreza até março deste ano, afirmou a presidente Dilma Rousseff, nesta
segunda-feira, em discurso durante o lançamento do Programa Terra Forte.

“Até março, vamos zerar o nosso cadastro, não vai ter ninguém abaixo
da extrema pobreza. Falta pouco, mas nossas contas estão incompletas.
Temos que ir atrás dos que faltam, sabemos que faltam, tanto na cidade
quanto no campo, e na zona rural ainda têm famílias na extrema pobreza
que não estão cadastradas”, disse.

Dilma acrescentou que irá contar com a ajuda do Movimento dos
Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) para identificar famílias que vivem
em situação de extrema pobreza dentro dos assentamentos da reforma
agrária e, dessa forma, atingir o objetivo do governo.

O programa Terra Forte vai apoiar e selecionar empreendimentos
produtivos em assentamentos da reforma agrária para receber empréstimos e
financiamento. Os cerca de R$ 600 milhões destinados ao programa virão
do fundo social do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social
(BNDES), da Fundação Banco do Brasil, do Instituto Nacional de
Colonização e Reforma Agrária (Incra), da Companhia Nacional de
Abastecimento (Conab) e de uma linha de crédito de R$ 300 milhões do
Banco do Brasil para cooperativas.

Compartilhe