Jornada Pedagógica prepara rede municipal para início do ano letivo

Cerca de 6 mil docentes da rede municipal de ensino vão participar da
Jornada Pedagógica 2013, promovida pela Secretaria Municipal da Educação
(SME), que acontece na próxima segunda a quarta-feiras (4 a 6). A
abertura da atividade, que prepara a rede municipal de Salvador para o
início do ano letivo, será ? s 8 horas, no Hotel Fiesta, no Itaigara.
 
O
tema deste ano é ?Avaliação: uma construção em busca da aprendizagem?.
Após o credenciamento dos participantes, a abertura oficial será feita
? s 9 horas pelo prefeito ACM Neto e pelo secretário da Educação, João
Carlos Bacelar. Às 10 horas será iniciada a palestra ?Contribuição das
Avaliações Externas para o Aprendizado dos Alunos de Educação Básica?,
ministrada por José Francisco Soares, mestre e doutor em Estatística,
além de doutor em Educação.
 
Ainda na segunda-feira (4), será
realizada a palestra ?Planejamento na Educação Infantil: espaços,
currículo e avaliação?, das 8h30 ? s 11h30 e das 13h30 ? s 17 horas, no
auditório da Universidade Estadual da Bahia (Uneb), no Cabula. As
atividades da Jornada Pedagógica 2013 também acontecem nos três dias, em
todas as 426 escolas da rede municipal.
 
Formação Alfa e Beto
Além
das atividades em todas as escolas, 12 unidades serão transformadas em
escolas-polos para realização da formação do Sistema Estruturado do
Instituto Alfa e Beto, que será implantado na rede municipal em 2013. O
objetivo da implantação é estabelecer uma política municipal para
alfabetização, além da elevação do nível de desempenho acadêmico dos
alunos das séries iniciais do Ensino Fundamental. A intenção é definir
como meta prioritária a alfabetização de todos os alunos da rede até o
final do 1º ano de escolarização, e a consolidação das competências
necessárias para a proficiência em leitura e escrita, bem como dos
conhecimentos matemáticos e científicos específicos para esta etapa de
escolarização.
 
O sistema estruturado é composto por uma proposta
metodológica unificada de trabalho para séries iniciais do Ensino
Fundamental; capacitação de professores (1º ao 5º anos); monitoramento
das ações nas várias instâncias (Secretaria, Coordenações Regionais de
Ensino e Unidades Escolares) e fornecimento de material de apoio
didático pedagógico para alunos e professores nas disciplinas de Língua
Portuguesa, Matemática e Ciências.

Compartilhe