Baianos e turistas penam no Elevador Lacerda

Com a alta estação, o fluxo de passageiros no Elevador Lacerda aumentou graças aos navios cruzeiros que estão ancorados no bairro do Comércio. Turistas e baianos continuam a esperar entre 20 e 40 minutos para chegar ao Centro Histórico pelo Elevador Lacerda. Sem funcionar com as 4 cabines desde 17 de setembro passado, o equipamento, principal meio de ligação entre as Cidades Baixa e Alta, opera apenas com uma cabine, eventualmente com duas.
 
As imensas filas deixam os usuários não só impacientes, mas também bronzeados graças ao sol escaldante de Salvador. Seis micro-ônibus saem lotados da Praça Cayru, na Cidade Baixa, para a Praça Municipal. Segundo a TranSalvador, o cartão postal da capital baiana volta a funcionar com as 4 cabines no dia 30 de janeiro.
Redação Classe Política

Compartilhe