Prefeitura inicia ordenamento de ambulantes na Barra

Desde
as 8h de hoje (12), agentes de fiscalização da Secretaria Municipal de
Ordem Pública, com apoio de policiais civis e militares, estão presentes
no trecho entre o Porto da Barra e o Alto do Cristo. A ação, promovida
pela prefeitura do Salvador em parceria com a Secretaria de Segurança
Pública da Bahia, visa ordenar o comércio de rua no local e prossegue
até o fim da tarde de hoje, com reinício amanhã (13), das 8h ? s 18h. Até
o início desta tarde, não foram registradas ocorrências.

De acordo
com a secretária de Ordem Pública, Rosemma Maluf, 20 agentes em dois
turnos atuam na região, no trabalho de orientação aos ambulantes. Apenas
em casos de descumprimento da legislação municipal, o comerciante terá a
mercadoria apreendida. ?Não queremos fazer nada de forma brusca. O
nosso intuito não é de prejudicar, mas de conscientizar os ambulantes de
que o espaço precisa ser ordenado, pelo bem deles e da população?,
ressaltou a secretária.

Presente na operação, o secretário de
Segurança Pública, Maurício Barbosa, destacou a constante parceria
realizada neste tipo de ação, em conjunto com a administração municipal.
?Sempre estivemos presente, dando apoio a este tipo de ação da
prefeitura. Esse trabalho conjunto é importante para a promoção da
segurança?.

A movimentação dos fiscais e policiais chamou a atenção
de quem passava pelo local, e teve a aprovação de moradores e
frequentadores da Barra. ?Tinha muito ambulante aqui, tomando conta da
calçada, junto ? balaustrada. E a balaustrada tem que estar livre para
todo mundo que quer ver essa bela vista?, comentou a comerciante Ana
Néri.

De acordo com Rosemma Maluf, a fiscalização de ambulantes será
constante na Barra. A ação também deverá ser estendida, durante o ano, a
outros pontos da Orla de Salvador, como as praias da Ribeira/Boa
Viagem, São Tomé de Paripe e Itapuã. Iniciado no último sábado, o
ordenamento do trânsito prossegue na região, com a proibição de
estacionamento no longo do meio-fio, sob pena de multa e reboque do
veículo.

Moradores de rua – Também na Barra, uma equipe da
Secretaria Municipal de Promoção Social e Combate ? Pobreza realiza o
cadastramento e orientação ? s pessoas em situação de rua. Somente na
manhã de hoje, haviam sido feitas quatro abordagens. ?Em um dos casos, a
pessoa é oriunda de São Paulo e vive aqui na cidade há 13 anos. Estamos
tentando contato com a família para que ele possa voltar ao local de
origem?, relatou a psicóloga e técnica em abordagem social, Vera Lúcia
Santos.

Vera explicou ainda que, ao ser abordado, o morador de rua é
cadastrado e orientado a procurar um dos Centros de Referência e
Assistência Social para Moradores de Rua (Centro-Pop), localizados no
Largo de Roma e na Baixa dos Sapateiros. Outra opção é o oferecimento de
vagas para pernoite no Abrigo Salvador, também no Largo de Roma.

Compartilhe