Operação vai ordenar comércio de rua na Barra

A Secretaria Municipal de Ordem Pública dá continuidade, neste sábado
(12) e domingo (13), ? operação de requalificação da orla de Salvador.
No último final de semana, a Secretaria Municipal de Urbanismo e
Transporte, através da Transalvador, começou uma ação para coibir o
estacionamento em local proibido na Barra. Agora, o objetivo é
disciplinar o comércio de rua entre a Ladeira da Barra e o Cristo.

A
operação, que nos dois dias terá início ? s 8h30 e término ? s 18h, vai
contar com o apoio da Secretaria Estadual de Segurança Pública. Hoje
(11), o titular da pasta, Maurício Barbosa, assegurou, em conversa por
telefone com a secretária municipal de Ordem Pública, Rosemma Maluf, a
parceria das polícias Militar e Civil. ?O intuito é ordenar o comércio
informal na Barra, filtrando aqueles ambulantes que não têm licença e
retirá-los do local, num processo de ordenamento?, afirmou Rosemma
Maluf.

A secretária estará acompanhando a operação no início da
manhã deste sábado ao lado do titular da pasta da Promoção Social e
Combate ? Pobreza, Maurício Trindade.
O coordenador de Fiscalização
da Secretaria de Ordem Pública, Paulo Viana, disse que a maior parte dos
ambulantes que atuam na Barra não possuem licença. ?Eles ocupam
irregularmente as calçadas, colocando em risco a segurança das pessoas,
com os mais diversos tipos de comércio. Nosso objetivo é justamente
garantir a segurança de quem mora e de quem visita a localidade?,
salientou Viana. 

Workshop ? Na última quarta-feira, a
secretária de Ordem Pública teve a primeira reunião com representantes
de associações dos trabalhadores informais. Na próxima terça-feira, será
feito um workshop com 25 lideranças do segmento justamente para
construir um novo modelo de ocupação do espaço de rua da Avenida Sete de
Setembro. Esse trabalho de reorganização e requalificação do comércio
de rua contará com a parceria do Sebrae. Além disso, a secretaria já
começou a fazer o recadastramento dos ambulantes.

Hoje, durante
visita ? sede da Secretaria da Ordem Pública e da Limpurb, o prefeito
ACM Neto determinou ainda a organização do comércio de rua em outros
pontos da cidade, sempre dialogando com os ambulantes e feirantes. Ele
citou outros pontos como a Estação Rodoviária

Compartilhe