Trump não planeja reunião com Putin em Paris

Trump não planeja reunião com Putin em Paris

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, revelou nesta segunda-feira que é pouco “provável” que se reúna com o líder russo, Vladimir Putin, esta semana em Paris à margem das comemorações do 100º aniversário do final da Primeira Guerra Mundial.

“Não estou seguro que tenhamos uma reunião em Paris, provavelmente não”, disse Trump, acrescentando que pretende encontrar Putin na reunião do G20 na Argentina, no final de novembro.

Há expectativa sobre um encontro entre Trump e Putin após o anúncio do líder americano sobre o abandono do tratado de armas nucleares de médio alcance INF (Intermediate Nuclear Forces Treaty).

Os dois presidentes participarão em Paris, junto a outros 60 chefes de estado e de governo, dos atos para comemorar – em 11 de novembro – o centenário do fim da Primeira Guerra Mundial.

No dia 23 de outubro passado, o conselheiro de Segurança Nacional, John Bolton, disse que Trump pretendia se reunir com Putin em Paris.

A primeira reunião bilateral entre os dois líderes ocorreu em julho, em Helsinki, após a qual Trump enfrentou muitas críticas por adotar um tom conciliador, apesar das conclusões dos serviços de Inteligência sobre a ingerência de Moscou nas eleições de 2016 nos EUA.

Compartilhe
Previous ''Índio merece modo de vida melhor do que o dele'', diz Bolsonaro
Next Ao menos 17 morrem em acidente rodoviário no sudeste do Peru

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Mesa da Câmara decide amanhã se cassa mandato do deputado Paulo Maluf

O futuro político do deputado afastado Paulo Maluf (PP-SP), em prisão domiciliar, deve ser decido até amanhã (22). Apesar de há uma semana o advogado do parlamentar, Antônio Carlos de

Cotidiano

MEC divulga dados parciais do Censo Escolar da Educação Básica 2017

Os resultados preliminares do Censo Escolar da Educação Básica deste ano foram divulgados hoje (8) pelo Diário Oficial da União, que publicou a portaria 1.069 do Ministério da Educação (MEC),

Política

Gilmar Mendes manda soltar mais dois da Lava Jato

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), mandou soltar o ex-secretário de Administração Penitenciária do Rio César Rubens de Carvalho e o doleiro Sérgio Roberto Pinto da Silva,