Bolsonaro diz que vai viajar ao Nordeste se for autorizado pelos médicos

Bolsonaro diz que vai viajar ao Nordeste se for autorizado pelos médicos

O candidato do PSL à presidência da República, Jair Bolsonaro, afirmou que vai viajar ao Nordeste se for autorizado pelos médicos que vão examiná-lo na próxima quarta-feira, 10, e repetiu sua suspeita sobre o correto funcionamento das urnas eletrônicas durante a eleição. Ele fez essas afirmações durante entrevista ao SBT, exibida pela emissora na noite desta segunda-feira, 8.

“Temos a preocupação, sim, com a urna, ainda. Centenas de casos chegaram para mim de pessoas que apertavam o 1 (na urna) e já aparecia o 13, ou que votava para governador e dava (a votação) por encerrada, não podia (votar) para presidente”, afirmou Bolsonaro. “Mas, como um todo, não deixou de ser um excelente resultado”, continuou.

Sobre alianças para o segundo turno contra o petista Fernando Haddad, Bolsonaro cogitou os apoios de Álvaro Dias (Podemos), de Cabo Daciolo (Patriota) e de partidos do chamado Centrão, que apoiaram Geraldo Alckmin (PSDB) no primeiro turno.

“Se alguém quiser conversar comigo eu estou à disposição. Estou tendo sinalizações de que o Álvaro Dias poderia conversar comigo, o Daciolo. No tocante ao Centrão, grande parte dos parlamentares já estava comigo antes mesmo do começo das eleições, que vínhamos trabalhando no varejo”.

Bolsonaro também comentou os planos da campanha para o segundo turno. “Dependo de avaliação médica na próxima quarta-feira, mas (ao) voltar para as ruas não vou poder fazer o que fazia, como ser carregado nos braços”, afirmou. “Se me liberarem para viajar de avião, viajarei, sim. Pretendo viajar ao Nordeste, onde na recepção no aeroporto será avisado que não poderei me expor da maneira como vinha me expondo. Com toda certeza um carro de som se fará presente, darei meu recado, talvez uma carreata. Vamos, sim. buscar espaço junto à mídia local para vendermos a nossa ideia”, concluiu.

Compartilhe
Previous Em entrevista, Haddad critica José Dirceu: 'Não participará do meu governo'
Next Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 23 milhões

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política

TSE registra mais de 23 mil candidatos às eleições de outubro

Mais de 23 mil candidatos a presidente, governador, senador e deputado federal, estadual e distrital vão disputar os votos de 147,3 milhões de eleitores brasileiros, segundo dados disponíveis no portal

Notícias

Renan defende Nelson Jobim ou Joaquim Barbosa no lugar de Temer

O líder do PMDB no Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), passou a defender abertamente a substituição de Michel Temer na Presidência da República. A favor de eleições indiretas, realizadas pelo Congresso,

Notícias

PT planeja calendário de mobilizações até inscrição de chapa no TSE

Após algumas tentativas frustradas de realizar grandes mobilizações em torno da pré-campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado na Operação Lava jato, o PT começou nesta