Atriz da Globo chama de burras mulheres que protestam contra Bolsonaro

A atriz global Luma Costa se envolveu em uma polêmica no último fim de semana ao contestar a campanha #EleNão, contrária à candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) à presidência. Pelas redes sociais, Luma chegou a dizer que as mulheres participantes do ato são “burras”.

“Bando de burra foi a rua hoje protestar contra um m… sem saber que estavam na verdade participando de uma manobra política de apoio ao maior merda de todos. Miraram no ele não e acertaram no Lula livre”, escreveu ela num post que foi apagado logo em seguida.

Grávida de seu segundo filho, Luma não deve retornar à TV tão cedo. Ela estava escalada para trabalhar na trama Verão 90 Graus, mas a gestação a impediu. Seu último papel na Globo foi em Sol Nascente (2016).

Compartilhe