Ataques matam mais de 20 pessoas no Afeganistão

Ataques matam mais de 20 pessoas no Afeganistão

Pelo menos 26 pessoas morreram em ataques terroristas ocorridos no Afeganistão nesta terça-feira (31/7). As informações são de autoridades afegãs. Um carro-bomba explodiu próximo a um prédio do governo em Jalalabad, no leste do país, permitindo que dois atiradores invadissem o complexo e começassem uma batalha que durou seis horas para libertar prisioneiros.

O porta-voz do governo da província de Nangarhar, cuja capital é Jalalabad, disse que os atiradores mataram pelo menos 15 pessoas, inclusive policiais, e feriram outras 15 antes de serem mortos por forças de segurança.

Em outro ataque, uma bomba deixada nas proximidades de um escritório do governo na província de Farah, no oeste do país, explodiu perto de um ônibus, matando 11 pessoas, entre elas mulheres e crianças, e ferindo outras 31. O ônibus ia da província de Herat para a capital afegã, Cabul.

Nenhuma organização assumiu a autoria dos ataques, mas o Talibã e o Estado Islâmico (EI) vêm realizando atentados quase que diários na província de Nangarhar. O Talibã também já realizou outros ataques em que colocou bombas em prédios do governo na província de Farah.

A missão norte-americana no Afeganistão calcula que ao menos 1692 civis já tenham morrido apenas no primeiro semestre desde ano, o que representa o maior número de vítimas desde que a contabilidade começou a ser feita, em 2009.

Compartilhe
Previous Caetano e Ademar viram réus em ações de improbidade administrativa no caso do Centro Comercial de Camaçari
Next Ainda estamos em negociação sobre vice, diz Alvaro Dias

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Temer assina decreto que reduz horário de verão em cerca de 15 dias

presidente da República Michel Temer (PMDB), assinou um decreto, nesta sexta-feira (15/12), que será publicado na segunda-feira no Diário Oficial da União, reduzindo em menos de um mês o tempo de início

Notícias

Paraná Pesquisas: 60,4% não querem entrada de Luciano Huck na política

Cogitado há meses como possível presidenciável, o apresentador Luciano Huck se posicionou no último dia 18 sobre sua participação na política brasileira (veja aqui), mas não tem o apoio da

Notícias

Bolsonaro diz que usou auxílio-moradia para ‘comer gente’

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC/RJ), pré-candidato à Presidência da República, defendeu nesta quinta-feira o uso do auxílio-moradia de R$ 4.253,00 pago aos parlamentares além dos R$ 33.763 de salário.