Multas aplicadas em Camaçari reduziram no 1º semestre

Multas aplicadas em Camaçari reduziram no 1º semestre

A Superintendência de Trânsito e Transporte de Camaçari (STT) registrou, no primeiro semestre de 2018, diminuição no número de multas aplicadas aos condutores de veículos dentro dos limites geográficos do município. Em comparação com o mesmo período do ano passado, houve uma redução significativa em infrações específicas.

Dentre as violações que ocorreram em menor quantidade estão o não uso do cinto de segurança, com 32,08% de redução; avançar o sinal vermelho, com queda de 62,65%; e estacionar em passeios, com declínio de 35,42% de registros. O número que mais se atenuou foi estacionar ao lado de outro veículo fazendo fila dupla: a diminuição foi de 67,12%.

De acordo com a diretoria do órgão, que responde à Prefeitura de Camaçari, o comportamento mais consciente dos condutores se deu a partir da realização de campanhas educativas, que têm influenciado positivamente nas ruas. Os dados mostram que tanto os motoristas de carros, quanto os motociclistas estão mais atentos às leis de trânsito.

O condutor ou pedestre que queira tirar qualquer dúvida, fazer alguma sugestão ou denúncias a STT, pode entrar em contato através do telefone (71) 3622-7788. A frente da ouvidoria está o servidor Jeimerson Felipe, para quem uma comunicação facilitada entre o órgão e a comunidade é importante por consolidar o senso de que um trânsito seguro e o respeito entre os seus usuários e os agentes fiscalizadores são interesses mútuos.

Compartilhe
Previous Temer libera mais verbas a congressistas
Next Lauro de Freitas: Nova sede da USF Cidade Nova amplia atendimento à saúde em Itinga

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Mundo

Trump designa a Coreia do Norte como patrocinador do terrorismo

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump anunciou nesta segunda-feira (20/11) a designação da Coreia do Norte como Estado patrocinador do terrorismo, em um novo passo para fortalecer o isolamento

Notícias

Delator diz que Dilma usou dinheiro da presidência para pagar campanha

A presidente afastada Dilma Rousseff pode ter usado dinheiro da Presidência da República para pagar contas da sua campanha presidencial de 2010. É o que relata matéria divulgada pelo site

Notícias

Prefeitura de Lauro de Freitas e Caixa lançam programa de moradia para servidores

A Prefeitura de Lauro de Freitas, a Caixa, construtoras e imobiliárias lançam o programa de moradia dos servidores, nesta quarta-feira, 1º de novembro, em ato às 14 horas, no Cine