Theresa May nomeia novo ministro para o Brexit

Theresa May nomeia novo ministro para o Brexit

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, nomeou hoje (9) Dominic Raab como novo ministro para o Brexit. Ele substitui David Davis, que renunciou ontem por estar em desacordo com a estratégia do governo britânico.

Raab, até agora secretário de Estado em diferentes ministérios, vai liderar as negociações com Bruxelas sobre a saída do Reino Unido da União Europeia (UE).

Davis foi um dos principais negociadores do Brexit e deixa o cargo depois que, no último dia 6, os ministros fecharam um plano sobre a futura relação do país com a UE.

O acordo contempla a criação de um mercado comum de bens. A iniciativa foi alvo de críticas dos conservadores, defensores de um “Brexit radical”.

O anúncio ocorre logo após o governo do Reino Unido chegar a um consenso sobre o plano para manter os vínculos econômicos fortes com a União Europeia após a saída do bloco.

A saída do Reino Unido da UE é chamada de Brexit, nomenclatura que reúne as palavras Britain (Grã-Bretanha) e exit (saída).

Compartilhe
Previous Site de Lula publica íntegra do alvará de soltura do TRF-4
Next Mercado financeiro aumenta projeção para a inflação pela oitava vez

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Programa partidário do PSD com Meirelles será veiculado hoje

Antes da coletiva com o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, para falar de política, o PSD, partido ao qual é filiado, está exibindo a jornalistas o programa partidário que será

Política

Coronel elogia força econômica do NE e volta a condenar privatização da Chesf em encontro regional de distribuidores

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia – ALBA, Angelo Coronel, participou na noite desta quinta-feira(12) da abertura do 1º Encontro dos Agentes de Distribuição do Nordeste, no Vila Galé

Economia

Petrobras anuncia queda de 2,2% no preço da gasolina e elevação de 1,4% no diesel

A Petrobras anunciou um novo reajuste para os combustíveis, com queda de 2,2% no preço da gasolina nas refinarias e alta de 1,4% no do diesel. Os novos valores valem