Suécia vence Suíça e avança para as quartas de final

Suécia vence Suíça e avança para as quartas de final

A Suécia venceu a Suíça por 1 x 0 e avançou às quartas-de-final da Copa do Mundo. Com isso, o país escandinavo volta ao grupo dos oito melhores times de uma Copa após 24 anos. A última vez foi em 1994, nos Estados Unidos, competição vencida pelo Brasil, quando chegou até as semifinais.

Foi uma partida que exigiu muito do sistema defensivo sueco, sobretudo no segundo tempo. Mas a defesa se comportou bem e garantiu a vitória. Lá na frente, Fosberg fez o gol da vitória. Após a partida, o treinador sueco Janne Andersson exaltou o esforço da equipe.

“É muito empolgante ver que o grupo passa por isso junto. Estou orgulhoso de tudo, de todo o grupo. Foi bom porque conseguiram controlar a partida depois do gol. Sairemos daqui orgulhosos quando formos para casa”, disse ainda no gramado, enquanto seus comandados festejavam com a torcida.

O jogo

A partida começou sem muitas emoções, mostrando o equilíbrio do duelo. Os suíços buscavam o ataque em jogadas que saíam dos pés de Shaqiri e Xhaka, principalmente. Já a Suécia tinha em Fosberg, seu camisa 10, o principal articulador.

Aos 28 minutos, finalmente um lance emocionante. A Suécia trocou passes na área adversária, até que a bola chegou a Berg, na entrada da pequena área. O centroavante ajeitou o corpo e chutou no canto de Sommer. O goleiro suíço se esticou todo para impedir que a bola entrasse em seu gol, conseguindo manter o placar zerado.

A Suíça se lançou mais ao ataque no segundo tempo, mas a defesa adversária se garantia lá atrás. E no ataque, ameaçava com Berg e Fosberg. O placar foi aberto aos 20 minutos do segundo tempo. Fosberg recebeu a bola na entrada da área e arriscou. Ela desviou em Akanji no meio do caminho e tirou Sommer do lance, acertando o canto superior direito do goleiro suíço.

Depois do gol, o jogo melhorou em movimentação. A Suíça passou a ser mais ofensiva. A Suécia, recuada, passou a jogar em contra-ataques. E foi exatamente no último lance do jogo, em um contra-ataque, o suíço Lang derrubou Olsson na entrada da área. O árbitro chegou a marcar o pênalti, mas consultou o vídeo e reverteu a decisão, marcando falta fora da área.

De qualquer forma, não havia tempo para mais nada. Sommer fez boa defesa na cobrança da falta e o juiz apitou o fim da partida. Com a vitória, os suecos aguardam o vencedor de Inglaterra e Colômbia, para saber com quem joga nas quartas de final.

Compartilhe
Previous “Esquerda Latino Americana impõe derrota acachapante aos EUA”, afirma Galo, sobre eleição no México
Next Oposição diz que governo da Bahia promove sucateamento do Planserv

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Esportes

“Só tenho de dizer obrigado e rezar por Schumacher”, diz Hamilton

O primeiro lugar no grid de largada conquistado neste sábado no GP da Bélgica de Fórmula 1 teve um gosto especial para o inglês Lewis Hamilton. Ao cravar a volta

Notícias

Ricardo Teixeira teria usado Andorra para lavagem de dinheiro

Investigações recentes revelam que foi pelo sistema financeiro do principado de Andorra que chegou o dinheiro desviado entre o ex-cartola do Barcelona, Sandro Rosell, e o ex-presidente da CBF, Ricardo

Esportes

Daniel Alves está fora da Copa do Mundo na Rússia

O jogador Daniel Alves está fora da Copa do Mundo na Rússia. O médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, concluiu que não há tempo hábil para o lateral-direito se recuperar