Acusado de matar técnica de enfermagem durante assalto em Itabuna é solto

Acusado de matar técnica de enfermagem durante assalto em Itabuna é solto

O homem acusado de matar a técnica de enfermagem Maria Ferreira Lima, durante um assalto no bairro de Fátima, em Itabuna, passou menos de dois meses preso no Conjunto Penal do município, após ser capturado em São Paulo, para onde tinha fugiu. Embora o caso tenha causado grande comoção, repercutindo em todo o estado, o suspeito já está na rua. De acordo com o blog Verdinho Itabuna, Jefferson Costa Nascimento, mais conhecido como “Quinho”, ganhou liberdade na última quarta-feira (06), quando a Justiça revogou sua prisão preventiva, acatando argumentos da defesa. O juiz Murilo Luiz Barreto alegou “ausência de indícios suficientes de autoria”.

De um lado, a defesa afirma que a mesma câmera que registrou o assalto, gravou a reconstituição e ficou provado que não se tratava da mesma pessoa. De outro, a polícia sustenta que Jeferson foi reconhecido por, pelo menos, quatro testemunhas. Além disso, na época em que foi preso, a própria família disse que ele havia confessado o crime, antes de fugir para São Paulo. De acordo com informações policiais, o acusado já não estaria mais em Itabuna, desde que ganhou a liberdade. Investigações da polícia apontam que Jeferson seria integrante do “Raio A” e tem antecedentes criminais. A vítima de 51 anos morreu não resistiu ao sofrer um traumatismo craniano após ser empurrada da moto por um assaltante no bairro de Fátima e bater com a cabeça na calçada da rua. O crime aconteceu no dia 5 de abril.

Compartilhe
Previous Eleições, copa e festas juninas reduzem ritmo de votações no Congresso
Next Conquista: Mulher é presa dentro de ônibus com 68 kg de maconha escondidos em malas

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Municípios 0 comentários

Uma mulher foi detida pela polícia após denúncias de que ela estaria tentando vender a filha, de três meses, por R$ 400, em Luís Eduardo Magalhães, cidade na região Oeste

Política

Ciro: ‘O Brasil não cabe na polarização entre coxinhas e mortadelas’

O candidato ao Palácio do Planalto pelo PDT e ex-ministro da Fazenda Ciro Gomes propôs uma trégua entre diferentes vertentes do pensamento político e econômico no Brasil como o caminho

Política

Rodrigo Maia marca votação da reforma da Previdência para 19 de fevereiro

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), marcou o debate da reforma da Previdência para 5 de fevereiro, e o início da votação para logo depois do Carnaval,