França ameaça expulsar jovem que salvou bebê

França ameaça expulsar jovem que salvou bebê

Um tunisiano de 25 anos, responsável por salvar duas crianças – entre elas um bebê – de um incêndio em Paris, em 2015, corre o risco de ser expulso da França. O destino de Aymen Latrous, imigrante ilegal, ganhou a atenção da imprensa francesa após o caso do malinês Mamoudou Gassama, que recebeu, na semana passada, visto de residência depois de resgatar uma criança que estava prestes a cair do quarto andar de um prédio da capital.

Os dois episódios foram usados por ONGs para reclamar do governo francês, que adotou novas medidas contra a “imigração econômica”. O caso de Latrous foi lembrado ontem pelo jornal Le Parisien.

Formado em informática, ele chegou à França em 2013. Em abril de 2015, resgatou duas crianças presas em um apartamento tomado por chamas. Embora tenha sido noticiado na época, o caso não teve a mesma atenção como o de Gassama. Latrous recebeu uma medalha e solicitou sua regularização. Mas, após examinar a situação do tunisiano, a chefia de polícia da região de Val-d’Oise não só indeferiu o pedido como emitiu uma ordem de expulsão.

Na segunda-feira (4/6), sob pressão, as autoridades informaram que a expulsão foi cancelada e o caso será reexaminado. “A nova instrução de pedido de visto levará em conta o ato positivo e altruísta de Latrous”, informou a chefia de polícia de Val-d’Oise.

Compartilhe
Previous Pastor é morto por crocodilo durante batismo em lago
Next Cobertura de redes 4G chega a mais de 4 mil municípios, diz associação

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Mundo

Ex-vice-presidente argentino é solto, mas segue investigado

Um tribunal argentino libertou o ex-vice-presidente Amado Boudou da prisão onde era mantido desde o início de novembro, acusado de corrupção. Boudou, que foi vice-presidente no governo de Cristina Fernandez

Cotidiano

Salvador: Equipamentos de praças e espaços públicos são substituídos após vandalismo

Para estimular a melhoria na qualidade de vida dos cidadãos soteropolitanos, a Prefeitura já entregou, em quatro anos e meio, 225 praças na cidade. A ação proporciona não apenas uma

Notícias

Geddel vira réu por obstrução de Justiça

O juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal em Brasília, aceitou nesta terça-feira, 22, denúncia contra o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA) por obstrução de Justiça. Com isso,