Ministros do STF admitem possível soltura e candidatura de Lula

Ministros do STF admitem possível soltura e candidatura de Lula

Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) admitem a possibilidade de soltura e de um eventual registro da candidatura do ex- presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado no âmbito da Operação Lava Jato e preso há 17 dias na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR).

A declaração aconteceu nesta terça-feira (24/4) em evento sobre fake news promovido pela revista Veja no Teatro Santander, em São Paulo. Entre os convidados, estavam os ministros do Supremo Gilmar Mende e Luiz Fux, que também é presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Gilmar Mendes chegou a admitir a possibilidade da decisão do plenário virtual da segunda instância do STF resultar na liberdade de Lula, mas disse que essa decisão já estaria “prejudicada”.”Eu acredito que já esteja prejudicado, porque o Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) negou o recurso, mas pode, claro”, afirmou o ministro.

Ainda sobre o ex-presidente, o ministro comentou a hipótese de, em vez de dois crimes (lavagem de dinheiro e corrupção passiva), Lula ser condenado apenas por corrupção – e a lavagem de dinheiro seria considerada uma ação feita no contexto da corrupção passiva. “É preciso discutir se os dois crimes a que ele foi condenado são realmente dois crimes”, afirmou. Se, eventualmente, o entendimento for de que houve apenas um crime, a pena do ex-presidente poderá ser reduzida.

Embora Luiz Fux tenha afirmado que uma das tarefas do TSE é preservar a Lei da Ficha Limpa, ele não descartou a hipótese de o presidente Lula ter sua candidatura à Presidência da República registrada. “A lei prevê que o acesso ao Judiciário é uma cláusula pétrea. Evidente que se o Supremo Tribunal Federal deferir uma liminar, e o TSE vem abaixo dele, manda quem pode e obedece quem tem juízo”, disse. “Se o Supremo emitir uma ordem, eu terei necessariamente de cumprir”, finalizou.

Compartilhe
Previous Casa Civil define 17 pontos da reforma trabalhista
Next Consórcio do BRT dá início a processo de transplante de árvores

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Bancos públicos emprestam R$ 46 bi a menos para setor

Os bancos públicos emprestaram R$ 46 bilhões a menos para Estados, municípios e empresas estatais entre janeiro e setembro do ano passado. O volume é 10,3% inferior ao que foi

Cotidiano

Salvador: Prefeitura garante assistência básica a moradores do Residencial Margaridas

Mesmo antes de receber as chaves da nova residência, os futuros moradores do Residencial Margaridas, empreendimento do programa Minha Casa, Minha Vida no Jardim das Margaridas, receberam o anúncio de

Notícias

Aécio diz que desembarque do PSDB é assunto superado e defende ‘novo projeto’

Principal fiador da participação do PSDB no governo de Michel Temer, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) afirmou nesta terça-feira, 28, que a saída do partido da base do governo já