ACM Neto determina abertura de processo administrativo sobre manifestação do STEC

ACM Neto determina abertura de processo administrativo sobre manifestação do STEC

O prefeito ACM Neto determinou à Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) que abra processo administrativo para apurar a responsabilidade de representantes do Subsistema de Transporte Especial Complementar (STEC) na manifestação que paralisou a cidade hoje (26). A depender desse processo administrativo, a Prefeitura pode, inclusive, efetuar a cassação de permissões e intervir no STEC.

ACM criticou duramente a manifestação, que prejudicou o direito livre de ir e vir dos cidadãos da cidade. Em entrevista concedida após a inauguração do asfalto na rua Petronília Dércia, no bairro de Valéria, o prefeito afirmou que segue disposto a dialogar, mas não com esse tipo de protesto. “Já autorizamos a integração (do STEC com o ônibus comum e o metrô) há muito tempo. Mas eles não chegaram a um entendimento operacional e tarifário. Sempre tivemos abertos ao diálogo, mas não dialogo com esse tpo de protesto. Não aceito isso. Não tem como dialogar com esse tipo de coisa”, afirmou ACM Neto.

Ele disse esperar que a polícia atue com mais rigor em casos desse tipo, quando um pequeno grupo de pessoas paralisa toda a cidade. “Não é possível que a população pague o preço porque o transporte complementar resolveu parar Salvador. Não é possível que a polícia deixe de agir, que fique assistindo de braços cruzados. É preciso assegurar o direito de ir e vir, a mobilidade na cidade”, acrescentou o prefeito.

Compartilhe
Previous BC limita tarifa do cartão de débito para reduzir custos no comércio
Next “Unidade Básica de Saúde em Itapuã é um sonho realizado”, diz Bacelar

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Notícias

Vaccarezza diz à PF que ‘milhares de pessoas’ já lhe ofereceram dinheiro

O ex-líder dos Governos Lula e Dilma na Câmara, Cândido Vaccarezza (ex-PT/SP), declarou à Polícia Federal que “milhares de pessoas” lhe ofereceram dinheiro. Não apontou nomes, mas relatou como é

Política

TSE cassa governador e vice do Tocantins

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu hoje (22), por 5 votos a 2, cassar o mandato do governador do Tocantins, Marcelo Miranda, e de sua vice, Cláudia Lelis,

Política

Moro abriu depoimento dizendo que não tem desavença pessoal com Lula;assista

Ao falar na abertura do depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o juiz Sérgio Moro disse que não tem desavença pessoal com o ex-presidente e frisou que a