TSE libera mais R$ 888 milhões para campanhas de 2018

TSE libera mais R$ 888 milhões para campanhas de 2018

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizou os partidos políticos a usarem o Fundo Partidário para bancar as campanhas de seus candidatos nestas eleições. Para este ano, o valor aprovado pelo Congresso é de R$ 888,7 milhões, dos quais R$ 780,3 milhões oriundos de dotação da União. Com a decisão do TSE, esse valor se somará ao do fundo público eleitoral de R$ 1,7 bilhão, aprovado pelo Congresso no ano passado.

O uso do Fundo Partidário nas eleições causa divergências entre os partidos. As legendas mais estruturadas queriam barrar o uso dos recursos sob o argumento de que seria desleal a competição com siglas menores, que conseguem guardar verba ao longo do ano para despejar na eleição de seus candidatos, enquanto as siglas maiores precisam investir os valores para manter o dia a dia partidário.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) autorizou os partidos políticos a usarem o Fundo Partidário para bancar as campanhas de seus candidatos nestas eleições. Para este ano, o valor aprovado pelo Congresso é de R$ 888,7 milhões, dos quais R$ 780,3 milhões oriundos de dotação da União. Com a decisão do TSE, esse valor se somará ao do fundo público eleitoral de R$ 1,7 bilhão, aprovado pelo Congresso no ano passado.

O uso do Fundo Partidário nas eleições causa divergências entre os partidos. As legendas mais estruturadas queriam barrar o uso dos recursos sob o argumento de que seria desleal a competição com siglas menores, que conseguem guardar verba ao longo do ano para despejar na eleição de seus candidatos, enquanto as siglas maiores precisam investir os valores para manter o dia a dia partidário.

Compartilhe
Previous Prouni divulga lista de aprovados nesta quarta-feira
Next Mega-Sena acumulada pode pagar R$ 71 milhões nesta quarta

Sobre o Autor

Você pode gostar também

Política

ACM Neto treina Karatê durante inauguração da Praça do Vale dos Rios; assista

O prefeito ACM Neto(DEM), deu uma de Karateca na noite desta quarta-feira(16), durante inauguração da Praça do Vale dos Rios. Apesar de se esquivar quando é questionado se será candidato

Notícias

Alvaro Dias pede para ‘não perderem tempo’ cogitando sua desistência

Diante de acenos de seu antigo partido, o PSDB, o senador paranaense Alvaro Dias (Podemos) pediu nesta quinta-feira, 5, para “não perderem mais tempo” cogitando sua desistência na corrida pelo

Política

Doria afirma que Alckmin está “muito constrangido” com delações

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB) disse nesta sexta-feira, 21, que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) está “muito constrangido” com a citação a seu nome em delações de